Já se encontra em Maputo a escritora brasileira Ana Rusche

Eduardo Quive - Maputo
Já se encontra na capital moçambicana, Maputo, a escritora brasileira, Ana Rusche, que vem ao País com o propósito de conhecer a Associação Movimento Literário Kuphaluxa bem como capacitar jovens escritores e amantes da literatura no geral, sobre as técnicas de escrita na literatura contemporânea.
Hoje, Ana Rusche, inicia as suas actividades de trabalho literário em Maputo, com uma entrevista que fará à escritora Sónia Sultuane, de Moçambique, as 10 horas no Centro Cultural Brasil – Moçambique.
Quando forem 17 horas, esta, vai iniciar a Oficina Literária com jovens amantes da literatura e estudantes no auditório do CCBM.

 

Amanhã, quando forem 14:30h, a escritora vai proferir uma palestra, sobre o tema “Porquê Ler”, na Escola Industrial 1º de Maio em Maputo, no âmbito do projecto “Literatura na Escola”, que desenvolvido pelo Kuphaluxa, desde o ano passado, já levou os escritores, Ungulani Ba Kha Khosa, Paulina Chiziane, Marcelo Panguana, Juvenal Bucuane, em várias escolas das cidades de Maputo e Matola.
Na quarta-feira, Ana Rusche, vai participar de um Sarau Cultural, a ser realizado no CCBM as 18 horas.
Na quinta-feira, as 09:00h, Ana visitará a Casa do poeta-mor, José Craveirinha e no mesmo dia, a escritora vai ministrar uma palestra na AEMO, num painel em que estará acompanhada pelo secretário geral da AEMO, Jorge de Oliveira, onde oferecerá vários livros à instituição.
Na sua bagagem, Ana Rusche traz, igualmente, livros da sua autoria e de outros autores do Brasil, para doar ao Kuphaluxa e a Escola Industrial 1º de Maio.
Refira-se que durante os cinco dias, Ana Rusche, vai entrevistas escritores moçambicanos, que culminará na publicação de um livro com as entrevistas, já no Brasil.
publicado por Revista Literatas às 08:32 | link