Orgia de palavras

De: Khyra Wakiria – Maputo

Tudo começou quando um punhado de palavras juntaram-se...e deram lugar a palavra prazer
Algo que desconheço embora reconheça seu efeito em mim,
Ainda me lembro do fogo que me consumia e fazia-me trepar por entre as frases que escondia no meu silêncio.
Calava a vontade que tinha de deixar-me levar pela sede da paixão que temia em guiar-me.
O desejo de deliciar-me e apropriar-me de algo que me estava a sufocar, queria ter tudo que me fizesse sentir prazer,
O mesmo prazer que me fazia vibrar e gemer enquanto escrevia minhas lembranças.
Enlouquecida gritava a dor dos sentimentos esquecidos e das loucuras por nós vividas, tive medo pela primeira vez. Pois ia entregar-me...
Dar por terminada a caça as palavras, começou a orgia das palavras...e lá estava eu em meio as letras desfrutando do prazer da escrita.
tags: ,
publicado por Revista Literatas às 04:04 | link