PASSEAR

De: Pedro Du Bois -Brasil

Do fim do mundo
           - a rua –
           vejo traçados
           os limites do passeio
           na distância necessária
           à passagem do corpo

- o transitar no espaço
                    esvaziado –

na concretização
do traço: coberto em pedras
               na massa
               cimentada
               o passeio se oferece
               ao corpo: estanca
                               a passagem.
tags: ,
publicado por Revista Literatas às 07:37 | link | comentar